All posts tagged empresa familiar

TGI realiza pesquisa sobre a mulher na gestão e na governança da empresa familiar

Dando continuidade ao projeto Governança Corporativa nas Empresas Familiares Pernambucanas, a TGI está realizando a sua terceira pesquisa com empresários, herdeiros, sucessores e executivos de empresas familiares. A edição 2018 tem como objetivo conhecer como as famílias empresárias pernambucanas vêm administrando as interfaces entre a família e a empresa e como as mulheres da família estão inseridas nos negócios.

Segundo Georgina Santos, sócia da TGI, a pesquisa é uma importante ferramenta para produzir conhecimento sobre o tema, principalmente por exigir soluções muito próprias de cada família empresária. Por tanto, quanto maior o número de respostas, mais completa será a visão da realidade das empresas familiares pernambucanas. “É através da prática e do exemplo que temos o panorama mais real dessas organizações”, completa a consultora, que é uma das coordenadoras da pesquisa.

Os resultados da terceira sondagem serão apresentados durante o evento Empresa Familiar Competitiva, marcado para o dia 26 de outubro. Na ocasião também serão expostos casos reais de empresas familiares pernambucanas que estão investindo na governança corporativa. Para participar da III pesquisa sobre Governança Corporativa nas Empresas Familiares Pernambucanas, basta acessar o link https://goo.gl/forms/UoL00cgbuiKyXTK43 e se cadastrar para responder o questionário.

Evento – Com o tema central “A mulher na gestão e na governança da empresa familiar”, a edição 2018 do evento Empresa Familiar Competitiva, realizado pela TGI no dia 26 de outubro, das 8h às 12h30, no Mar Hotel, irá discutir os desafios que as mulheres enfrentam na inserção e na atuação nos negócios da família. Os interessados em participar podem realizar a inscrição pelo site www.tgi.com.br/eventoempresafamiliar com valores promocionais até o dia 15 de setembro. Mais informações pelo telefone (81) 3134.1710.

0

TGI promove palestra com maior especialista do Brasil em Empresas Familiares

Na última sexta-feira (20), no auditório do JCPM, a TGI promoveu o evento “Governança nas Empresas Familiares Pernambucanas”, que contou com uma palestra do economista Werner Bornholdt, doutor em psicologia das organizações e maior especialista em empresa familiar do Brasil. Na ocasião, também foram apresentados os resultados da segunda sondagem sobre Governança nas Empresas Familiares Pernambucanas, realizada pela TGI com o objetivo de conhecer como as famílias empresárias do Estado estão escolhendo e formando seus sucessores.

Em sua apresentação feita para mais de 200 participantes, entre sócios, herdeiros, sucessores e executivos de empresas familiares, Werner Bornholdt falou sobre o tema “Empresa Familiar Robusta e Longeva: o que fazer para reforçar a competitividade da empresa familiar ao longo do tempo”. Um dos pontos reforçados pelo especialista foi a importância da definição dos valores e sua internalização pelas novas gerações e de cuidar tanto da empresa como da família, bem como investir em educação para a gestão e a governança.

“A empresa familiar é a base da economia moderna, e as principais dificuldades encontradas por elas são dentro delas mesmas, nem sempre as dificuldades são externas. Também é preciso muita conversa para que as empresas tenham uma boa sucessão, a preparação dos sucessores é fundamental”, destacou Bornholdt. Em sua palestra, o especialista também abordou questões como os modelos de governança e gestão, alinhamento estratégico da família empresária, entre outros.

Após a palestra, foram apresentados os dados revelados pela sondagem feita pela TGI com integrantes de empresas familiares pernambucanas. Foram ouvidas 202 pessoas de mais de 80 organizações. De acordo com a pesquisa, entre as maiores atividades adotadas pelas empresas para o desenvolvimento dos sucessores, estão o rodízio pelas áreas para conhecimento dos processos (33%), feedback para os sucessores (27%), planos de desenvolvimento individual (24%), participação em associações empresariais (16%), entre outras. Um dos destaques das empresas está na necessidade do sucessor ter uma graduação completa para que possa estar presente na organização.

Segundo Georgina Santos, coordenadora da sondagem e sócia da TGI, a profissionalização dos sucessores é fundamental para que as empresas tenham continuidade. “A pesquisa foi feita essencialmente com empresas do Estado e mostra que a grande maioria mostra preocupação e já vem implantando algumas iniciativas na direção da profissionalização”, finaliza.

0

Ideias preconcebidas sobre empresas familiares

É muito comum encontrarmos profissionais de mercado com uma visão preconcebida sobre as empresas familiares. Apesar de tudo o que já se conhece sobre a força econômica e social dessas organizações, muitas pessoas ainda resistem na hora da seleção e preferem sonhar apenas com as multinacionais.

Continue lendo: http://blogconexaoprofissional.com.br/blog/2017/08/31/ideias-preconcebidas-sobre-empresas-familiares/

0

TGI promove palestra com maior especialista do Brasil em Empresas Familiares

Dando continuidade ao projeto “Governança nas Empresas Familiares”, a TGI Consultoria em Gestão promove, no dia 20 de outubro, uma palestra com o economista Werner Bornholdt, doutor em psicologia das organizações e maior especialista em empresa familiar do Brasil. Na ocasião, também serão apresentados os resultados da segunda sondagem sobre Governança nas Empresas Familiares Pernambucanas, realizada pela TGI com o objetivo de conhecer como as famílias empresárias do estado estão escolhendo e formando seus sucessores. O evento é aberto ao público e as inscrições já podem ser feitas através do site www.tgi.com.br/eventoempresafamiliar com valores promocionais até 31/08.

Em sua apresentação, Werner Bornholdt irá abordar o tema “Empresa Familiar Robusta e Longeva: o que fazer para reforçar a competitividade da empresa familiar ao longo do tempo”. Durante a palestra, o especialista falará sobre assuntos como o significado das empresas familiares no contexto mundial e brasileiro; modelos de Governança e Gestão, alinhamento estratégico da família empresária e educação; valores e código de condutas, planejamento sucessório na sociedade/propriedade; conselhos de sócios, de administração, de família e family office; entre outros.

“As estatísticas atuais mostram que apenas 5% das empresas familiares brasileiras conseguem chegar na 3ª geração e o que mais ameaça a longevidade dessas organizações é a questão da sucessão. Nesse sentido, esse evento trará para os participantes uma visão sobre como lidar com este processo, os cuidados e os riscos, para que as famílias empresárias possam se preparar antes que os problemas estejam instalados”, afirma Georgina Santos, sócia da TGI e coordenadora do projeto.

O evento, que acontece no auditório do JCPM das 8h às 12h30, é voltado para sócios, herdeiros, sucessores, executivos e outros integrantes de empresas familiares. Até o dia 31/08, as inscrições custam R$200 por pessoa com pacote especial para duas pessoas por R$180 cada ou para três ou mais participantes por R$150 cada. Depois dessa data e até o mês do evento, os valores passam para R$220, R$200 e R$180, respectivamente. Mais informações pelo telefone (81) 3134.1740 ou pelo link https://goo.gl/FNYHq5.

0

Jovens nas empresas familiares

Com a crise e a escassez de oportunidades no mercado, alguns jovens, filhos de empresários, estão vendo com outros olhos a possibilidade de trabalhar na empresa da família.

Continue lendo: http://blogconexaoprofissional.com.br/blog/2016/12/15/jovens-nas-empresas-familiares/

0