Conquistas fáceis, profissionais difíceis

Os pais, ainda que involuntariamente, vêm armando uma cilada para os próprios filhos. Proporcionam viagens, intercâmbios, presentes, tudo o que podem, satisfazendo os mais caros desejos. Nesse afã, se esquecem de dar limites, movidos, muitas vezes, pelo pensamento simplista: “Eu não tive, mas meu filho vai ter”.

O resultado dessa liberalidade é que os jovens logo se tornam propensos ao tédio. Angustiados, passam a ter dificuldade de administrar frustrações e ouvir críticas. No campo do trabalho, além desses reflexos, também é visível que eles estão se tornando profissionais inseguros, imediatistas e com problemas comportamentais que podem comprometer sua carreira.

Enfim, os pais precisam entender que educar é algo complexo e bem mais produtivo se os jovens tiverem disciplina e dificuldades a vencer.

Enviar para um amigo
0

ESCREVA SEU COMENTÁRIO