TGI comemora 29 anos ainda mais conectada com as transformações

No último dia 10 de outubro, a TGI reuniu os sócios, funcionários e parceiros na sede da empresa, no Espinheiro, para comemorar os 29 anos de atuação da consultoria. Além do planejamento estratégico e de toda o desenvolvimento da gestão estratégica dos clientes, a TGI tem cada vez mais se especializado na governança familiar e sucessão, tendo promovido este ano no Recife, em conjunto a Werner Bornholdt Governança, a primeira edição Nordeste do Encontro de Empresas Familiares – ENEF, um dos mais importantes encontros dessa área no Brasil.

A equipe TGI é formada por uma equipe multidisciplinar, com formações diversificadas que oferece uma série de serviços focados em ajudar as organizações na melhoria de suas gestões, incluindo o desenvolvimento dos gestores e suas equipes. Há quase três décadas, a TGI assumiu ainda o compromisso do desenvolvimento de tecnologia em gestão estratégica apropriada para a realidade local.

Em Pernambuco, esse compromisso se expressa na realização da Pesquisa Empresas & Empresários que está na sua 12º edição e será apresentada em dezembro, com a temática Pernambuco Além da Crise. A pesquisa tem se dedicado a conhecer a situação econômica e empresarial do Estado. “Além desse compromisso com Pernambuco e com o Recife por meio de uma cidadania ativa; diante das mudanças da tecnologia – disrupção digital ou revolução 4.0 – a TGI está antenada com as tendências e orientando seus clientes a adequarem os seus modelos de gestão a elas, com foco continuo e permanente no desenvolvimento dos gestores e das pessoas”, diz Francisco Cunha, fundador e sócio da TGI.

A TGI ainda se destaca pelo cuidado de registrar sistematicamente a base conceitual e metodológica do seu trabalho de consultoria. Com esse objetivo, já publicou pela Editora INTG mais de 30 títulos relativos à gestão empresarial e de cidades. Ao longo desses 29, foram produzidos diversos relatórios sobre a competitividade pernambucana: “Pernambuco Afortunado”, sobre a trajetória histórica do Estado; “Pernambuco Competitivo”, sobre a nova fase de desenvolvimento do Estado; e “Pernambuco Desafiado”, que trata dos cenários e desafios para o futuro.

Além disso, a TGI apoia três importantes projetos relacionados à Responsabilidade Social e à Sustentabilidade: o Ponto Cidadão, centro de capacitação profissional e cultural para jovens em situação de vulnerabilidade econômica e social visando à sua inserção no mercado de trabalho; o Observatório do Recife, movimento da sociedade civil que tem por objetivo propor e monitorar indicadores da cidade do Recife na busca por torná-la economicamente viável, socialmente justa e ambientalmente equilibrada; e o movimento Olhe Pelo Recife – Cidadania a Pé, que representa e articula os agentes da mobilidade a pé na cidade.

0

Francisco Cunha ministra palestra sobre o futuro do centro do Recife no Festival REC’n’Play 2019

O consultor e sócio da TGI, Francisco Cunha, guiou uma caminhada pela chamada Ilha de Antônio Vaz, que engloba os bairros de Santo Antônio, São José, Cabanga e Joana Bezerra, na manhã de 05 de outubro, no último dia do Festival REC’n’Play 2019. Antes, ministrou uma palestra sobre o tema Uma visão do Futuro para o Centro do Recife, na sede da CDL (Câmara de Dirigentes Lojistas do Recife), na Rua Riachuelo.

A caminhada seguiu pelas principais ruas dos bairros de Santo Antônio e São José, chegando até a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação de Pernambuco, onde aconteceu um debate com os temas comentados na palestra e vivenciados na caminhada.

“Um evento como esse é de grande importância para a cidade do Recife, em especial para o seu centro, porque traz as pessoas para conhecerem a realidade tanto do ponto de vista conceitual, teórico, a partir de uma apresentação, mas também por meio da caminhada que tivemos a oportunidade de fazer. Começamos no Bairro da Boa Vista e passamos pela Rua do Hospício, Rua da Imperatriz e pelo início da requalificação da Avenida Conde da Boa Vista”, contou Francisco Cunha.

A caminhada seguiu cruzando a Ponte Duarte Coelho, passando pela Avenida Guararapes, Praça da Independência, Ponte Mauricio de Nassau, Marquês de Olinda e Rua do Bom Jesus, finalizando ao lado da Torre Malakoff, na Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação.

Para o consultor, o próximo passo a partir do debate realizado no REC’n’Play é aumentar a compreensão dos moradores e formadores de opinião para a importância fundamental de recuperar o centro do Recife. “Não se conseguirá resolver o problema de um bairro sem resolver o problema de outro, porque estão todos integrados em um só território. Território central, histórico, que foi de fundamental importância econômica e hoje tem uma grande importância do ponto de vista da centralidade da cidade do Recife e na Região Metropolitana”, concluiu.

0

PDCA Engenharia completa 10 anos

Cliente TGI, a PDCA Engenharia, empresa pernambucana especializada em planejamento, consultoria e projetos de obras civis e industriais, infraestrutura, pavimentação e urbanismo, completou 10 anos. Fundada com a visão de estar entre as melhores consultorias do Norte/Nordeste em engenharia rodoviária, a PDCA vem trilhando um caminho de sucesso, conquistando destaque no mercado pernambucano, principalmente na área de projetos de pavimentação.

Com uma equipe em constante processo de treinamento, a PDCA conta com tecnologia de última geração bem como estrutura física moderna e em condições de atender às demandas de prazo e de qualidade de seus clientes. Entre os serviços prestados pela empresa estão estudos, pesquisas e elaboração de projetos geométricos, de terraplenagem, drenagem, urbanização, iluminação pública, sistema de abastecimento de água e esgoto e geotécnicos, além de serviços especializados em pavimentação, controle de qualidade de obras e cursos de capacitação.

“O trabalho mais inovador que temos reconhecido no mercado é o SGP – Sistema de Gerenciamento de Pavimento, uma ferramenta de apoio à gestão pública para a manutenção viária, urbana ou rodoviária, proporcionando mais durabilidade com menos custo”, afirma Sidclei Magalhães, diretor técnico e sócio da PDCA, junto com Taciana Magalhães, Joany Lins e Daniel Luna.

Com o SGP, são realizados o mapeamento e o diagnóstico de toda a rede viária municipal ou rede rodoviária estadual, indicando as intervenções e as técnicas mais adequadas para reparar o pavimento no momento ideal. Além disso, através de indicadores de qualidade, é possível apresentar mapas temáticos da condição da rede, simular cenários de investimentos e elaborar orçamentos de manutenção de acordo com as estratégias escolhidas.

“Temos cases de sucesso na PDCA Engenharia como a Assistência Técnica da Obra – ATO da pista de provas Coast Down Track da Jeep, em Goiana/PE, e a participação em importantes projetos urbanísticos da cidade do Recife, como o Parque Capibaribe, onde realizamos a parte de infraestrutura. Também atuamos na área industrial, a exemplo dos projetos de drenagem e pavimentação da UN-10 da Moura, em Belo Jardim/PE”, completa Sidclei Magalhães.

0

Francisco Cunha guia caminhada em homenagem a João Cabral de Melo Neto

O consultor e sócio da TGI, Francisco Cunha, guiou, em setembro, a caminhada “João Cabral de Melo Neto e o Rio Capibaribe”, promovida pelo Colégio Equipe em homenagem aos 20 anos do falecimento do poeta João Cabral. O trajeto de 3km, saindo da praça Compositor Antônio Maria até o Equipe, contou com os comentários de Francisco Cunha e a leitura de poemas sobre o Rio Capibaribe, permanente fonte de inspiração do poeta.

Em agosto, o colégio deu início a uma exposição apresentando vida e obra do poeta pernambucano, sob a coordenação de Any Vasconcelos e do bibliotecário da escola, Milton Carlos. A exposição traz como foco os poemas ” O cão sem plumas” e ” O rio”, por terem como tema o Rio Capibaribe, expondo suas diversas faces, desde a sua nascente até a chegada ao mar. A mostra pode ser conferida até outubro, nas instalações do Equipe.

“Foi um imenso prazer contar com a colaboração de Francisco Cunha, reconhecido também por sua atuação em prol da mobilidade a pé na cidade do Recife. Francisco guiou a caminhada trazendo a todos informações relevantes a respeito do rio e ao Projeto Parque Capibaribe. Foi realmente um momento enriquecedor, unindo cultura, poesia e reflexão sobre o nosso rio e a cidade que precisamos e queremos”, afirma Any Vasconcelos.

0

FRASE DA SEMANA TGI

0